subject

Ao definir a implanta√ß√£o de um novo software de controle de estoque, a empresa WGS precisou definir de forma sistem√°tica onde e como cada colaborador trabalharia com o novo sistema, como cada equipamento de TI seria implementado, como o fluxo do novo sistema seria processado e como seriam alocados cada recurso do novo sistema. Dentro desses processos, tamb√©m desenhou todo o funcionamento dos fluxos de dados e informa√ß√Ķes necess√°rias para cada tomador de decis√£o dentro da organiza√ß√£o. Essas atividades, pelas caracter√≠sticas apresentadas, se referem principalmente √† seguinte fun√ß√£o administrativa.
Dirigir
Planejar
Organizar
Controlar

Respostas
Respostas: 2

Outra pergunta: Administração

question
Administração, 15.08.2019 00:55
Raz√Ķes para a separa√ß√£o das 13 col√īnias‚Äč
Respostas: 3
question
Administração, 15.08.2019 05:34
Aexist√™ncia de vetores contradit√≥rios no texto constitucional ‚Äď que, de um lado, aponta para a n√£o interven√ß√£o do estado nas institui√ß√Ķes sindicais e para o fomento do pluralismo pol√≠tico e da representatividade democr√°tica e, de outro, institui obrigatoriamente a unicidade sindical por base territorial ‚Äď √© conflito que se coloca tradicionalmente  entre as entidades sindicais de base. entretanto, o debate se modifica quando a quest√£o alcan√ßa as entidades sindicais de grau superior, as federa√ß√Ķes e confedera√ß√Ķes, uma vez que a base territorial das referidas entidades √© composta justamente pelas agremia√ß√Ķes sindicais que comp√Ķem o ente federativo e confederativo, abrindo margem para uma maior densifica√ß√£o do princ√≠pio da liberdade sindical, sem que haja assim conflito de bases territoriais entre entes sindicais que convivem (mello, 2018).  no brasil, o sistema sindical √© confederativo, sendo adotado pela constitui√ß√£o federal de 1988. assim sendo, os sindicatos s√£o os entes sindicais de base, conforme o art. 533 da consolida√ß√£o das leis do trabalho (clt), e as federa√ß√Ķes e confedera√ß√Ķes constituem associa√ß√Ķes sindicais de grau superior (lopes, 2018).   lopes, m. h. legisla√ß√£o trabalhista e rela√ß√Ķes sindicais. maring√°: unicesumar, 2018. mello filho, l. p. v. de.; dutra, r. q. entidades sindicais de grau superior: crit√©rios e limites da unicidade sindical. revista direito unifacs, salvador, n. 215, p. 1-11, 2018. a respeito das federa√ß√Ķes, avalie as afirma√ß√Ķes a seguir. i. as federa√ß√Ķes s√£o formadas por tr√™s sindicatos, sendo constitu√≠das por estados. ii. as federa√ß√Ķes s√£o constitu√≠das por estados, mas pode ocorrer a constitui√ß√£o de federa√ß√Ķes interestaduais ou nacionais. iii. facultam-se aos sindicatos, quando em n√ļmero n√£o inferior a cinco, desde que representem a maioria absoluta de um grupo de atividades ou profiss√Ķes distintas, organizarem-se em federa√ß√£o. iv. caso j√° exista federa√ß√£o no grupo de atividades ou profiss√Ķes em que deva ser constitu√≠da a nova entidade, a cria√ß√£o dela poder√° reduzir para menos de cinco o n√ļmero de sindicatos que √†quela devam continuar filiados. v. a exist√™ncia de uma federa√ß√£o no grupo de atividades ou profiss√Ķes em que deva ser constitu√≠da a nova entidade, a cria√ß√£o dela n√£o poder√° reduzir a menos de cinco o n√ļmero de sindicatos que √†quela devam continuar filiados. √© correto o que se afirma em:
Respostas: 2
question
Administração, 15.08.2019 05:32
Aexist√™ncia de vetores contradit√≥rios no texto constitucional ‚Äď que, de um lado, aponta para a n√£o interven√ß√£o do estado nas institui√ß√Ķes sindicais e para o fomento do pluralismo pol√≠tico e da representatividade democr√°tica e, de outro, institui obrigatoriamente a unicidade sindical por base territorial ‚Äď √© conflito que se coloca tradicionalmente  entre as entidades sindicais de base. entretanto, o debate se modifica quando a quest√£o alcan√ßa as entidades sindicais de grau superior, as federa√ß√Ķes e confedera√ß√Ķes, uma vez que a base territorial das referidas entidades √© composta justamente pelas agremia√ß√Ķes sindicais que comp√Ķem o ente federativo e confederativo, abrindo margem para uma maior densifica√ß√£o do princ√≠pio da liberdade sindical, sem que haja assim conflito de bases territoriais entre entes sindicais que convivem (mello, 2018).  no brasil, o sistema sindical √© confederativo, sendo adotado pela constitui√ß√£o federal de 1988. assim sendo, os sindicatos s√£o os entes sindicais de base, conforme o art. 533 da consolida√ß√£o das leis do trabalho (clt), e as federa√ß√Ķes e confedera√ß√Ķes constituem associa√ß√Ķes sindicais de grau superior (lopes, 2018).   lopes, m. h. legisla√ß√£o trabalhista e rela√ß√Ķes sindicais. maring√°: unicesumar, 2018. mello filho, l. p. v. de.; dutra, r. q. entidades sindicais de grau superior: crit√©rios e limites da unicidade sindical. revista direito unifacs, salvador, n. 215, p. 1-11, 2018. a respeito das federa√ß√Ķes, avalie as afirma√ß√Ķes a seguir. i. as federa√ß√Ķes s√£o formadas por tr√™s sindicatos, sendo constitu√≠das por estados. ii. as federa√ß√Ķes s√£o constitu√≠das por estados, mas pode ocorrer a constitui√ß√£o de federa√ß√Ķes interestaduais ou nacionais. iii. facultam-se aos sindicatos, quando em n√ļmero n√£o inferior a cinco, desde que representem a maioria absoluta de um grupo de atividades ou profiss√Ķes distintas, organizarem-se em federa√ß√£o. iv. caso j√° exista federa√ß√£o no grupo de atividades ou profiss√Ķes em que deva ser constitu√≠da a nova entidade, a cria√ß√£o dela poder√° reduzir para menos de cinco o n√ļmero de sindicatos que √†quela devam continuar filiados. v. a exist√™ncia de uma federa√ß√£o no grupo de atividades ou profiss√Ķes em que deva ser constitu√≠da a nova entidade, a cria√ß√£o dela n√£o poder√° reduzir a menos de cinco o n√ļmero de sindicatos que √†quela devam continuar filiados. √© correto o que se afirma em: alternativas alternativa 1: ii e v, apenas. alternativa 2: iv e v, apenas. alternativa 3: i, ii, e iv, apenas. alternativa 4: iii, iv e v, apenas. alternativa 5: i, ii e iii e iv, apenas.
Respostas: 2
question
Administração, 15.08.2019 03:04
Uma vez definida a pol√≠tica de cr√©dito, deve-se buscar ‚Äúcalibrar‚ÄĚ sua aplica√ß√£o, pensando pelo lado da rigidez ou liberalidade. o que quero dizer com isso √© que pol√≠ticas r√≠gidas demais abrem m√£o da rentabilidade em favor da seguran√ßa. no segundo caso, busca-se ganhar em rentabilidade na carteira de cr√©dito, por meio de um risco calculado de possibilidade de inadimpl√™ncia. ‚Äčpardo, paulo. gest√£o de riscos. maring√°-pr.: unicesumar, 2018. neste contexto, analise as afirma√ß√Ķes a seguir sobre como a empresa ou os analistas devem se comportar com rela√ß√£o √† concess√£o de cr√©dito. alternativas alternativa 1: os analistas de cr√©dito devem realizar an√°lises tanto qualitativas e quantitativas. alternativa 2: a an√°lise qualitativa possibilita analisar numericamente os efeitos dos riscos nos objetivos gerais do projeto. alternativa 3: uma pol√≠tica r√≠gida de cr√©dito promove o aumento das receitas da empresa, bem como uma redu√ß√£o das perdas com clientes inadimplentes. alternativa 4: a an√°lise quantitativa possibilita uma an√°lise subjetiva com o prop√≥sito de priorizar riscos a partir da probabilidade de impacto medida durante a an√°lise dos riscos. alternativa 5: a an√°lise quantitativa possibilita o analista ter as respostas necess√°rias num processo de an√°lise de concess√£o de cr√©dito, pois possibilita a avalia√ß√£o de qualidade dos dados sobre os riscos.
Respostas: 3
Você sabe a resposta certa?
Ao definir a implantação de um novo software de controle de estoque, a empresa WGS precisou definir...
Perguntas
Perguntas no site: 31884242